Atenção, o seu browser está desactualizado.
Para ter uma boa experiência de navegação recomendamos que utilize uma versão actualizada do Chrome, Firefox, Safari, Opera ou Internet Explorer.

Educar para crescer: apoios à educação e formação na Corticeira Amorim

25/9/2020

O poder transformador da educação contém as sementes do futuro que desejamos para todos. No mês dedicado à educação, percorremos os principais apoios, ações e programas desenvolvidos pela Corticeira Amorim nesta área chave. Um forte compromisso com a responsabilidade social que permite acrescentar valor, valorizar pessoas e gerar um impacto positivo na comunidade.

O papel das empresas passa, também, por devolver à sociedade a riqueza gerada. Contribuir para a expansão e a partilha do conhecimento, apoiar o desenvolvimento das pessoas e fortalecer e incentivar o empenho na educação e o mérito. Neste sentido, a Corticeira Amorim tem desenvolvido, ao longo dos anos, inúmeros projetos educativos e formativos dirigidos aos seus colaboradores e famílias, mas igualmente à comunidade mais alargada. Através de múltiplas iniciativas na área da educação, dos estágios curriculares aos protocolos com instituições académicas, da educação ambiental ao mecenato, o objetivo é criar impacto positivo.

Para Alexandra Godinho, diretora de Recursos Humanos da Corticeira Amorim, esta aposta na educação é um dos aspetos diferenciadores das empresas líderes e um fator de atratividade. “Penso que cada vez mais as pessoas valorizam empresas que investem nelas, que percebem as suas preocupações e necessidades. Por outro lado, esta aposta nos benefícios ligados à educação, por exemplo, através de subsídios e apoio para compra de livros, é também uma mensagem importante para os nossos colaboradores: o conhecimento, o desenvolvimento e o crescimento intelectual são coisas cada vez mais importantes na nossa vida profissional. E sabemos que cada vez mais as pessoas procuram empresas que investem nelas e que valorizam a educação e a formação. E que as pessoas têm que ser corresponsáveis neste processo.”

Premiar o futuro

O futuro passa sem dúvida pela formação. De resto, na Corticeira Amorim são implementados diversos programas de formação e reconhecimento, validação e certificação de competências, abrangendo centenas de colaboradores ao longo dos anos. Mas esse futuro passa paralelamente por uma aposta clara na educação, que constitua um incentivo e uma inspiração para todos. É neste contexto que a política de benefícios do grupo inclui, para muitos colaboradores, um apoio na educação dos filhos, sob a forma de subsídio escolar ou de bolsas de mérito escolar. O subsídio escolar é atribuído a todos os filhos de colaboradores a partir do 5º ano de escolaridade, e começa nos 25€ por filho, no 1º ciclo, e a partir do 2º ciclo é de 110€ por filho.

A segunda modalidade de apoio à educação faz-se através de bolsas: todos os anos, as diferentes empresas da Corticeira Amorim atribuem Bolsas de Mérito Escolar aos filhos de colaboradores com salário base inferior a 1.000€ e que completam o 9º ano e o 12º ano de escolaridade. São atribuídos em cada uma das cinco unidades de negócio três prémios de mérito no valor de 250€ para os três melhores alunos do 9º ano, e três prémios de mérito no valor de 500€ aos três melhores alunos do 12º ano.
“A política de benefícios do Grupo Amorim tem-se reforçado no vetor educação nos últimos anos, com o reforço das Bolsas de Excelência de Mérito, em que podemos suportar o custo das propinas de Licenciatura a mais de 30 filhos de colaboradores,” explica Alexandra Godinho. “Acreditamos que o nosso papel transformador na sociedade se faz também com contributos perenes e de médio prazo. Destinando-se aos filhos dos nossos colaboradores que estão num segmento salarial mais baixo, estas bolsas reconhecem e distinguem o grande mérito de alunos de excelência (médias de secundário superiores a 16 valores) que, eventualmente com menos recursos monetários, irão prosseguir os estudos a um nível superior e, provavelmente, ter percursos profissionais assinaláveis.” Estas bolsas consistem no pagamento das propinas do 1º ano, e, caso o aluno transite para os anos seguintes, das propinas até ao término da licenciatura. “É um dos benefícios que mais nos dá prazer atribuir. O grupo tem muito admiração pelo exemplo de resiliência e dedicação destes jovens e das suas famílias e é com muito orgulho que nos associamos ao esforço que fazem!”

No mundo académico

Outra vertente muito importante do apoio à educação e formação passa pelos protocolos de colaboração com instituições de ensino. Enquanto líder da indústria da cortiça, a Corticeira Amorim está consciente da sua posição num sector de enorme relevo para Portugal, e assume com orgulho e responsabilidade o seu papel de referência. Aproximar o mundo académico do mundo empresarial é um desafio que o grupo abraça com enorme motivação, e, neste sentido, a Corticeira Amorim tem desde há vários anos protocolos com Universidades e Instituições de Ensino Superior, proporcionando estágios curriculares a alunos que completem ciclos de Licenciatura ou Mestrado.

Como explica Alexandra Godinho, “os estágios curriculares em contexto empresarial são, como se costuma dizer, o melhor de dois mundos. Colaboramos com instituições de ensino, promovendo o primeiro contacto com o mundo do trabalho dos seus alunos, dando-lhes a possibilidade de fazer uma transição apoiada para a vida profissional. Ou seja, desafiamos o mundo académico a deixar-se influenciar também pelo mundo do trabalho.” Estes estágios curriculares são, para as diversas empresas do grupo, uma fonte de recrutamento muito importante. “Muitos dos nossos quadros vieram para o grupo em estágio curricular e ficaram connosco. Colaboramos muito com instituições de ensino próximas geograficamente das nossas unidades: Universidades, Institutos, Centros de Formação (Ensino Secundário Profissional), Escolas Secundárias e Escolas Profissionais. Isto permite-nos contactar e receber diferentes grupos de alunos, com formações diversas e igualmente importantes para as nossas atividades,” conclui Alexandra Godinho.

Tal-qualmente, as portas da Corticeira Amorim abrem-se regularmente para receber visitas de estudo de alunos de diferentes instituições (FEUP, FEP, Católica, PBS, por exemplo) ao mesmo tempo que a empresa colabora com investigações e trabalhos de alunos. Enquanto membro do Clube de Empresas da Católica Porto Business School, a Corticeira Amorim leva a sua experiência e know-how até ao mundo académico, em colaborações diversas. Também a título individual, vários quadros diretivos do grupo têm um papel ativo nesta área crítica, pertencendo a órgãos consultivos de Instituições de Ensino Superior.

Da escola à educação ambiental

Na Corticeira Amorim o apoio à educação não se limita às instituições de ensino superior e a empresa atua onde é mais necessário. Desde 2005 que a Corticeira Amorim integra o projeto educativo da Câmara Municipal do Porto, Porto de Futuro, como parceiro do Agrupamento de Escolas Leonardo Coimbra. Com este protocolo, a Corticeira Amorim está representada no Conselho Geral da Escola e colabora através da doação de equipamentos informáticos, da participação no programa de Voluntariado Junior Achievement (Educação para o Empreendedorismo e Literacia Financeira), no qual colaboradores da Corticeira Amorim se deslocam à escola para partilhar a sua experiência com os alunos, para além de participar em várias iniciativas e projetos escolares.
Uma iniciativa que se repete todos os anos é o programa de Educação Ambiental da Corticeira Amorim. Um projeto criado com o objetivo de apoiar as escolas na educação ambiental e de sensibilizar a comunidade em geral para a necessidade de proteger e valorizar a floresta nacional, nomeadamente o montado de sobro. Para além da consciencialização ambiental, o programa promove ainda a reciclagem de cortiça (distribuindo pontos de reciclagem – rolhinhas – para recolha de rolhas usadas) e a conservação do meio ambiente.
Sempre com o objetivo de acrescentar valor e fortalecer projetos de referência, a Corticeira Amorim tem apoiado, ao longo dos anos, diversas instituições e associações com um impacto significativo nas comunidades, participando ativamente no seu desenvolvimento e potenciando o seu crescimento através de doações de materiais, voluntariado ou apoios financeiros. A Associação Bagos D’Ouro, fundada por Luísa Amorim, e dedicada a apoiar crianças e jovens carenciados do Douro, através do acompanhamento do seu percurso escolar e da criação de oportunidades para o desenvolvimento de projetos de vida de sucesso, é um exemplo desse trabalho de proximidade e de enorme mérito que a Corticeira Amorim se orgulha de apoiar enquanto mecenas.

Fazer a diferença através da educação é a base e o propósito comum a todos estes projetos, sempre com o objetivo de construir um mundo melhor.